Banco do Brasil abre 900 vagas para o Programa Jovem Aprendiz em todo o Brasil – Saiba como participar!

      Comentários desativados em Banco do Brasil abre 900 vagas para o Programa Jovem Aprendiz em todo o Brasil – Saiba como participar!





O Banco do Brasil abriu novas vagas para contratação de Jovens Aprendiz 2017 que devem auxiliar no serviço de agências espalhadas por todo o Brasil. Ao todo são aproximadamente 900 vagas abertas para o público durante o ano.

Quem se encaixar nos requisitos desfrutará de bolsa remunerada mensal de um salário mínimo, vale transporte, carga horária de 4 a 6  horas diárias,férias correspondente ao recesso escolar, curso de orientação, vale alimentação, plano odontológico e médico.

Para concorrer os candidatos devem se cadastrar em entidades sem fins lucrativos parceiros do Banco do Brasil responsáveis pela seleção ou então em programas de contratações como o CIEE. (Centro de Integração Escola-Empresa).

As vagas são disponibilizadas de acordo com a abertura e separadas por estados. É preciso se inscrever no CIEE para acompanhar o processo seletivo do Jovem Aprendiz 2017 do Banco do Brasil que não acontece com uma data específica.

JOVEM APRENDIZ BANCO DO BRASIL – COMO FAZER O CADASTRO?

O programa funciona muito mais como um processo de organização interna que visa corresponder a Lei n°10.097/00 que obriga empresas de grande e médio porte incluam pessoas que nunca tiveram experiência no mercado corporativo. No total 5% das vagas de todo o banco são destinados para jovens de 15 a 25 anos.

Aliado a lei, o Banco do Brasil foca as vagas para jovens inseridos em grupos familiares de baixa renda e que tenham interesse na aprendizagem. Pessoas que encaixem no seguinte perfil são as mais indicadas para participar do Programa Jovem Aprendiz:

  • Estudam em escolas públicas e tem bom rendimento escolar;
  • Estudantes com frequência regular;
  • Quem está em busca de primeira oportunidade de emprego;
  • Estejam cursando no mínimo o oitavo ano do ensino fundamental;
  • Devem ter de 15 anos a 15 anos e 10 meses, também há vagas que contemplam pessoas de 15 a 24 anos;
  • Quem tem renda familiar de até meio salário mínimo regional ou que seja beneficiada por programas sociais do Governo Federal.

QUALIDADES EXIGIDAS

Entre as principais qualidades exigidas pelo banco e que são fatores diferenciais para a contratação durante o processo de seleção do Banco do Brasil são:

  • Comunicação oral e escrita;
  • Bom raciocínio lógico e matemático;
  • Noções de planejamento, direitos humanos e trabalhistas;
  • Alternativas de geração de trabalho e renda para a juventude;
  • Noções de preservação ambiental e formas de prevenção ao uso de drogas.

Estes são alguns dos conteúdos abordados durante o processo de aprendizagem do Programa Jovem Aprendiz da instituição, quem já tiver conhecimentos  dentro destes temas tem maiores chances de cativar o entrevistador.

COMO PARTICIPAR

Como o Banco do Brasil conta com instituições filantrópicas para realizar o processo seletivo, a melhor chance de concorrer as vagas do Programa de Jovem Aprendiz da instituição é se cadastrando no CIEE, deixando suas informações de contato e currículo.

No momento em que as vagas são abertas o próprio CIEE indica os perfis que se encaixam  às necessidades do Banco, que deverá analisá-lo com maior profundidade.

Após a seleção inicial do Banco, os candidatos são contatos  e devem então realizar uma prova de aptidão em português e matemática. Esta, por sua vez, dirá quem foi classificado.

DETALHES SOBRE AS VAGAS

O programa Jovem Aprendiz do Banco do Brasil insere o público jovem em diferentes funções que se encaixam na realidade bancárias. São diferentes áreas de contratação que vão desde o atendimento até a parte interna.

O programa tem duração de dois anos sem possibilidade de renovação, mas com chances de efetivação.

O Banco do Brasil tem um comprometimento grande com a capacitação dos jovens, por isso trabalhar nessa instituição é uma excelente oportunidade de aprendizagem. No total 25% da carga horária de 1.048 horas são destinadas somente ao conhecimento teórico, enquanto o restante (75%) à prática.

Depois da contratação o jovem é supervisionado por um funcionário experiente que será preparado para orientar as ações.  São feitas avaliações periódicas tanto do jovem aprendiz quanto de seu supervisor para verificar como está se dando o processo de aprendizagem.

Entre as funções desempenhadas pelo Jovem Aprendiz estão:

  • Protocolo e movimentação de documentos entre setores
  • Colocação e retirada de material promocional
  • Manuseio e estocagem de expediente para funcionários
  • Reposição de suprimentos e operação de equipamentos de pequeno porte
  • Arquivamento de documentos e processos
  • Elaboração de planilhas, gráficos e textos
  • Pré-atendimento a clientes ou usuários do ambiente interno
  • Visitas a clientes

Todos os candidatos tem acesso a manuais e orientação por meio de cursos para aprender o passo a passo de como praticar cada uma das funções dentro do banco.

A OPORTUNIDADE QUE VOCÊ ESPERAVA

Anualmente cerca de 5 mil jovens participam do programa de Jovem Aprendiz do Banco do Brasil espalhado por todo o país. A primeira iniciativa deu-se em 1971 e nunca mais parou, as vagas são disponíveis de acordo com a necessidade do banco e o encerramento de contratos, já que o programa tem data máxima de 2 anos de duração.

O Banco do Brasil tem 200 anos de história, consolidando-se como uma empresa muito respeitada. Iniciar uma carreira colocando experiências dentro dessa instituição no currículo é uma excelente forma de entrar no mercado de trabalho.

PARA INSCREVER-SE VOCÊ DEVE COMPARTILHAR ESSA VAGA